Ourinhos,
Anuncie Aqui | Fale Conosco | Notícias no What’s (14) 99637-3212

Postado em 02/02/2020 às 12:12

Homem de 38 anos é esfaqueado na concha acústica em Ourinhos

Moradores de rua agridem outro morador com golpes de faca.

 

Um morador de rua de 38 anos foi esfaqueado após uma discussão com outros dois andarilhos no centro de Ourinhos (SP), na noite de sábado (1º).

De acordo com Boletim de Ocorrência, policiais militares foram acionados durante à noite para atender ocorrência de lesão corporal grave, que teria ocorrido na concha acústica localizada na Praça Miguel Mofarrej, conhecida como “Praça do Caló”, na Vila Perino, em Ourinhos.

Emerson, de 38 anos de idade, estaria recebendo os primeiros socorros no interior de uma viatura do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) enquanto que seus algozes, por ele indicados como sendo Thaynara e um indivíduo conhecido pelo apelido “Maceió”, teriam ido para o terminal rodoviário deste município, onde foram localizados e detidos pelos Policiais, tendo sido localizada na pochete de “Maceió” uma faca.

Ainda de acordo com os policiais, Emerson contou que o casal chegou na concha acústica e tentou subtrair uma cesta básica que ele havia ganho, mas com a reação contrária da vítima, “Maceió” deu uma faca para Thaynara que o acertou com tal instrumento, cujos golpes o atingiram lhe ferindo gravemente o braço direito.

Segundo “Maceió”,  Thaynara alegou ter sido agredida por Emerson e decidiu falar com “Maceió” para tirarem satisfação com o mesmo, tendo ambos se dirigido até a concha acústica, onde a vítima estava, onde “Maceió” lhe deu a faca que trazia em sua pochete e ela golpeou Emerson, tendo Thaynara e “Maceió”, após os fatos, retornado ao terminal rodoviário.

A vítima após passar por atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) foi transferida para a Santa Casa, onde foi submetida a cirurgia, pois teve ferimento que transfixou seu braço e a cabeça. De acordo com informações, o estado de saúde é considerado grave, porém estável.

Após terem sido autuados em flagrante delito, os indiciados “Maceió” e Thaynara foram recolhidos à cadeia de São Pedro do Turvo, onde ficaram à disposição da justiça.

Todos os envolvidos nestes fatos declararam ser moradores em situação de rua.

 

 

 

Veja Também

Fiscalização da Prefeitura de Ourinhos consegue impedir baile funk em plena quarentena na cidade
Federação do comércio em SP prevê 1 milhão de demissões na crise
Com uma morte suspeita e 15 casos descartados, Ourinhos ainda não tem caso confirmado de coronavírus
Prefeito da região anuncia adiamento de IPTU para dezembro e suspensão do corte de água
© 2019 - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por StrikeOn