Ourinhos,
Anuncie Aqui | Fale Conosco | Notícias no What’s (14) 99637-3212

Postado em 21/02/2020 às 22:39

Integrante de quadrilha suspeito de matar garapeiro a tiros em Ourinhos é preso no Paraná

Homem foi localizado em outro estado após várias investigações da Polícia Civil. Outros dois envolvidos foram presos em janeiro deste ano.

 

O suspeito de matar um homem a tiros em Ourinhos (SP), em 2018, foi preso pela Polícia Civil na última quarta-feira (19) na cidade de Palotina (PR).

A vítima, o garapeiro Genilson Aparecido da Silva, de 44 anos, morreu no dia 1º de novembro de 2018 após ser atingido por cinco disparos no Parque Pacheco Alves.

De acordo com o delegado que investiga o caso, Dr. João Beffa, o suspeito foi quem atirou na vítima. Ele foi localizado em outro estado após várias investigações da Polícia Civil. Na época, ele tinha 19 anos.

Em janeiro, outros dois homens envolvidos no assassinato foram presos no Paraná. Ainda segundo o delegado, o crime foi motivado pelo roubo de uma carga de cigarros contrabandeados. O dono da carga e o cunhado dele teriam matado a vítima porque ela estava com uma parte dos cigarros.

"Foi um problema de carga de cigarros contrabandeados. Um deles era dono dos cigarros, e uma quadrilha de Jacarezinho roubou a carga. A vítima estava com uma parte da carga e mataram ela", explica.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, a vítima estava com a carga pois foi contratada para guardar o caminhão roubado e recebeu como pagamento dez caixas de cigarro.

 

Veja Também

Médicos voluntários de Ourinhos criam grupo para ajudar pessoas na quarentena
Cidade da região confirma morte por dengue e contabiliza quase 200 casos
Portaria do estado de SP diz que qualquer cadáver deve ser considerado portador suspeito da COVID-19
Dupla é presa por tráfico de drogas na Cohab de Ourinhos
© 2019 - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por StrikeOn