Ourinhos,
Anuncie Aqui | Fale Conosco | Notícias no What’s (14) 99637-3212

Postado em 06/02/2024 às 08:15

Publicitária é executada com 10 tiros na porta da casa de amiga no interior de SP

    0969321001707218313.jpg

A Polícia Civil de Ribeirão Preto (SP) iniciou uma investigação sobre a morte da publicitária Dayane Isabel Roncari, de 33 anos, ocorrida no domingo. Ela foi atingida por pelo menos dez tiros enquanto estava na porta da casa de uma amiga.

O delegado Rodolfo Latif Sebba, responsável pela investigação, indicou que os indícios apontam para uma execução, com 30 cápsulas deflagradas de calibre 9 milímetros encontradas no local.

Publicitária é morta a tiros em Ribeirão Preto, SP — Foto: Redes Sociais

Os tiros, disparados por dois homens encapuzados de um veículo preto, atingiram Dayane em várias partes do corpo. O delegado descartou feminicídio, afirmando que há evidências concretas de execução associada ao crime organizado. A mulher que conversava com Dayane no momento não sofreu ferimentos. Imagens de câmeras de segurança podem fornecer mais informações sobre os atiradores.

Passado criminal

A publicitária Dayane Isabel Roncari foi presa em 2018 acusada de atropelar o ex-namorado e uma jovem que estava com ele em uma moto, na marginal da avenida Luiz Galvão César, em Ribeirão Preto.

A jovem que estava na garupa da moto, à época com 18 anos, morreu no local. O homem, que tinha 26 anos, foi socorrido em estado grave. A defesa de Dayane disse à época que teria ocorrido um acidente.

Wendell Souza de Almeida, de 26 anos, e Ester Lisboa Ribeiro Santos, de 18 anos, foram atropelados em Ribeirão Preto — Foto: Divulgação

Contudo, ela foi condenada a 7 anos, nove meses e 10 dia de reclusão em regime semiaberto, pelo crime de lesão corporal contra a jovem Ester Lisboa Ribeiro Santos, que morreu na ocasião, e Wendell Souza de Almeida, ex-namorado da mulher. O processo estava em fase de recursos.

Em 2018, Dayane Isabel Roncari foi presa após atropelar ex-namorado e matar jovem em Ribeirão Preto — Foto: Paulo Souza/EPTV

Em junho de 2021, Wendell foi executado a tiros, mas a investigação não conseguiu vincular diretamente Dayane ao caso.

Polícia Militar acompanha homicídio no Parque das Figueiras, zona norte de Ribeirão Preto (SP) — Foto: Naiana Kennedy/CBN Ribeirão Preto

Veja Também

Homem de 37 anos morre afogado na região
Acidente envolvendo caminhão carregado de cebolas deixa dois feridos no norte do Paraná
Ato convocado por Bolsonaro reúne multidão na Avenida Paulista em São Paulo
Brasil conquista hexacampeonato na Copa do Mundo de Futebol de Areia
© 2019 - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por StrikeOn