Policial Civil aposentado dispara contra enfermeira em Hospital de São Paulo

Compartilhe:

Um incidente envolvendo um policial civil aposentado causou tumulto no Hospital do Servidor Público Estadual, localizado na zona sul de São Paulo, na madrugada deste sábado, 24.

Segundo informações da Secretaria da Segurança, o policial, de 70 anos, teria efetuado disparos contra uma enfermeira durante um atendimento, supostamente em meio a um surto psicótico. A vítima, uma mulher de 49 anos, foi atingida no pé, mas recebeu atendimento imediato no próprio local e passa bem.

O Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe) emitiu uma nota explicando que o paciente, internado após uma cirurgia, sacou uma arma de uma mochila durante o surto. Apesar dos esforços de dois enfermeiros para contê-lo, houve um disparo que feriu a enfermeira. O autor dos disparos foi posteriormente desarmado pelos funcionários presentes.

As armas utilizadas pelo policial, uma pistola 380 e um revólver .38, foram apreendidas e encaminhadas para perícia. O caso está sendo investigado pelo 27º Distrito Policial (Campo Belo).

Apesar do ocorrido, o hospital continua operando normalmente. As autoridades policiais estão trabalhando para esclarecer os motivos que levaram ao surto e ao ataque armado dentro da instituição de saúde.