Ourinhos,
Anuncie Aqui | Fale Conosco | Notícias no What’s (14) 99637-3212

Postado em 14/02/2020 às 18:14

Empresas que promovem campanhas de cobrança ampliam as chances de recuperar crédito

O objetivo é manter as relações comerciais com clientes.

    0550078001581714967.jpg

 

Conscientizar o cliente sobre a importância de quitar uma dívida com pagamento atrasado, antes de ser negativado, tem sido uma estratégia adotada por um número cada vez maior de empresas. Com campanhas de cobrança amistosas, planejadas estrategicamente para acontecer ao longo do ano, e não apenas quando o cliente já está com o “nome sujo”, é possível ampliar as margens de recuperação de crédito e manter as relações comerciais com clientes que, no dia a dia, têm um bom comportamento de pagamento.

“Muitas empresas não esperam o cliente entrar na lista de inadimplentes para lembrá-los que estão com o pagamento de suas parcelas em atraso. Campanhas de cobrança possibilitam que o consumidor continue com crédito, movimentando a economia e impactando positivamente nas empresas locais”, disse o presidente da ACE Ourinhos, Robson Martuchi.

Boas campanhas de cobrança e recuperação de crédito levam em conta fatores externos que impactam o poder de compra do consumidor. Um exemplo, são as medidas de incentivo ao consumo como a liberação do saque imediato do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), que deseja injetar cerca de R$ 3 bilhões na economia.

As campanhas de cobrança também devem considerar o perfil de público e para isso, soluções como o score (pontuação de crédito), resumo de débito e comprometimento da renda auxiliam nessa análise, para definir o modo como será feita a cobrança. Há ferramentas que ajudam os credores a filtrarem para quais carteiras de clientes farão as ações de cobrança, como o SCPC Comunica, da Boa Vista SCPC, parceira da ACE Ourinhos.

O mais importante é que a campanha seja adaptada para cada empresa e cada credor, sendo mais eficiente na comunicação da dívida antes ou depois da negativação, criando algum atrativo verdadeiro para que o devedor tenha interesse em negociar a dívida.

 

Veja Também

WhatsApp fora do ar? Usuários relatam que app e versão web não funcionam nesta terça, 14
Ourinhos recebe doações de 42 mil EPIs, 4,5 mil cestas básicas e 500L de álcool gel de empresa
Justiça derruba liminar que obrigava planos de saúde a cobrir exames de Covid-19
Jovem surda que foi agredida na região também relata estupro
© 2019 - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por StrikeOn