Ourinhos,
Anuncie Aqui | Fale Conosco | Notícias no What’s (14) 99637-3212

Postado em 09/06/2021 às 17:49

Vigilante confessa que matou barbeiro na região depois de ver esposa beijando a vítima

    0293828001623272137.jpg

O vigilante de 37 anos que matou a facadas o barbeiro Fábio da Silva Melo, conhecido como Fábio Corleone, em Paraguaçu Paulista (SP) (104 km de Ourinhos), na tarde desta terça-feira, 8, disse à polícia que “perdeu a cabeça” ao ver a esposa beijando a vítima. As informações são do site G1.

Segundo as investigações da Polícia Civil, o flagrante da traição teria acontecido na Rua Paraíba, Bairro Francisco Roberto, onde fica a barbearia da vítima.

Segundo o delegado João Fernando Pauka Rodrigues, que comanda as investigações, o suspeito negou qualquer premeditação do crime, mas admitiu seu caráter passional.

Em depoimento, o vigilante disse que, ao ver a cena do beijo, perseguiu o barbeiro, foi ofendido por ele e, por isso, cometeu o crime.

O delegado disse ainda que, com a oitiva de outras testemunhas relacionadas ao suspeito e à vítima, o inquérito foi concluído e enviado ao Poder Judiciário, já com manifestações do Ministério Público e da defesa.

O relatório final da Polícia Civil aponta indiciamento do vigilante por homicídio qualificado, com uso de recurso que dificultou a defesa da vítima.

Fonte: G1

Veja Também

Covid: Ourinhos confirma mais dois óbitos e junho atinge número de 85 mortes
Prefeitura diz que não tem mais vacinas e campanha contra a Covid-19 é interrompida em Ourinhos
Polícia Rodoviária prende na rodovia Orlando Quagliato homens que roubaram e amarram família; menina de 6 anos também foi feita refém
 Abrigo da região, que registrou surto de Covid com 8 mortes pede transferência de idosos para SP, diz MP
© 2019 - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por StrikeOn