Ourinhos,
Anuncie Aqui | Fale Conosco | Notícias no What’s (14) 99637-3212

Postado em 12/04/2023 às 13:24

Liminar é cumprida e Prefeitura de Ourinhos inicia hoje (12) intervenção na Comunidade ‘O Samaritano’; promotor explica os motivos

Confira no áudio as falas do promotor de Direitos Humanos, Adelino Lorenzetti Neto e da Secretária de Assistência Social do Município de Ourinhos, a Sra. Viviane Aparecida Rodrigues Barros.

    0674703001681317068.webp

A Prefeitura de Ourinhos inicia, na tarde desta quarta-feira, 12, às 14h30, através da Secretaria Assistência Social, a intervenção municipal na Comunidade "O Samaritano", localizada na área rural da cidade. Ontem (11), uma decisão liminar proibiu a comunidade de fazer novos acolhimentos de moradores de rua. Atualmente existem cerca de 170 pessoas vivendo no local. Confira acima e o promotor de Direitos Humanos, Adelino Lorenzetti Neto e a Secretária de Assistência Social do Município de Ourinhos, a Sra. Viviane Aparecida Rodrigues Barros e explicaram toda a situação.

Segundo o promotor Adelino Lorenzetti Neto no local ocorre o “detrimento de pessoas vulneráveis, as quais são expostas a trabalhos sem remuneração, condições precárias de habitação, de alimentação e de higiene”.

A decisão liminar, da juíza Alessandra Mendes Spalding, da 2ª Vara Cível de Ourinhos, também determina a identificação de todos os acolhidos pela entidade e a entrega de seus documentos pessoais ao poder público municipal.

A liminar, contra a qual ainda cabe recurso, proíbe também que o homem apontado como responsável pela entidade frequente os ambientes em que ficam os acolhidos, devendo se reservar ao imóvel que utiliza como residência. Ainda foi determinada a indisponibilidade de bens de até R$ 170 mil para eventual reparação de danos.

Por fim, a decisão deu 60 dias para que o município apresente “planos individuais para cada acolhido”. Após esse prazo, Ministério Público deve se manifestar e outras medidas podem ser tomadas.

Em caso de descumprimento das determinações judiciais estão previstas multas. Se houver acolhimento de novos moradores de rua, por exemplo, pode ser aplicada multa de R$ 10 mil.

A promotoria havia solicitado o encaminhamento imediato dos moradores de rua acolhidos pela entidade às suas famílias e cidades de origem, mas tal medida não foi acatada, ao menos inicialmente, pela juíza responsável pelo caso.

A ação foi proposta após vistoria da Vigilância Sanitária na entidade, que não possui sequer cadastro de funcionamento junto à prefeitura, em 16 de março deste ano.

Além de relatar o “péssimo estado de conservação” do local de acolhimento, também foi citado que os próprios acolhidos são responsáveis pelas atividades como portaria, limpeza, cozinha e serviços gerais.

Ausência de esgoto, sanitários sem janelas, lavandaria sem condições estruturais, refeitório improvisado com alimentos vencidos, comida sem identificação, entre outros problemas foram relatados.

“Conclui a Vigilância Sanitária que a Comunidade o Samaritano não apresenta estrutura para a prestação de serviço de albergue assistencial, tampouco tem condições de prestar serviços de saúde para idosos e demais vulneráveis, não correspondendo a padrões mínimos da legislação para ofertar condições higiênico-sanitária aos moradores, de modo que imprescindível a realocação dos acolhidos com a maior brevidade possível”, destaca o promotor.

Foto: Prefeitura de Ourinhos/Reprodução

Foto: Prefeitura de Ourinhos/Reprodução

Foto: Prefeitura de Ourinhos/Reprodução

Foto: Prefeitura de Ourinhos/Reprodução

Questionada sobre a decisão liminar, a entidade "O Samaritano" disse, em nota, que "faz um trabalho incansável há anos junto a população em situação de rua" e que está confiante no esclarecimento dos fatos. A nota afirma ainda que as denúncias feitas ao MP são infundadas. Já a prefeitura informou que irá acatar a decisão liminar.

Os idosos serão encaminhados para o asilo Santa Tereza Journet de Ourinhos. Haverá uma divisão entre os acolhidos. Idosos, deficientes, dependentes químicos ficarão separados.

Veja Também

Homem de 37 anos morre afogado na região
Acidente envolvendo caminhão carregado de cebolas deixa dois feridos no norte do Paraná
Ato convocado por Bolsonaro reúne multidão na Avenida Paulista em São Paulo
Brasil conquista hexacampeonato na Copa do Mundo de Futebol de Areia
© 2019 - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por StrikeOn